Convite à Manifestação de Interesse: Formação-Ação da CAP - Confederação dos Agricultores de Portugal | CEVAL
24082
post-template-default,single,single-post,postid-24082,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,transparent_content,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive
 

Convite à Manifestação de Interesse: Formação-Ação da CAP – Confederação dos Agricultores de Portugal

Convite à Manifestação de Interesse: Formação-Ação da CAP – Confederação dos Agricultores de Portugal

A CEVAL – Confederação Empresarial do Alto Minho lança o Convite à Manifestação de Interesse a todos os empresários do Alto Minho do setor Agrícola que estejam interessados em participar no projecto de Formação-Ação que a CEVAL e a CAP – Confederação dos Agricultores de Portugal  irão iniciar brevemente.

Para mais informações, entre em contacto com a CEVAL através do email: tecnico@ceval.pt

Descrição

A formação-ação é uma intervenção com aprendizagem em contexto organizacional e que mobiliza e internaliza competências com vista à persecução de resultados suportados por uma determinada estratégia de mudança empresarial.

Os tempos de formação e de ação surgem sobrepostos e a aprendizagem vai sendo construída através do desenvolvimento das interações orientadas para os saberes-fazer técnicos e relacionais. Trata-se assim de uma metodologia que implica a mobilização em alternância das vertentes de formação (em sala) e de consultoria (on the job).

Como tal, permite atuar a dois níveis:

Ao nível dos formandos: procura desenvolver competências nas diferentes áreas de gestão, dando resposta às necessidades de formação existentes;

Ao nível da empresa: procura aumentar a produtividade, a capacidade competitiva e a introdução de processos de mudança/inovação nas empresas.

Independentemente do esquema organizacional da formação-ação adotado para dar resposta aos objetivos definidos, as entidades promotoras têm de garantir, para cada PME a intervencionar, a concretização de um diagnósticoque sustente a formulação do plano de ação e um relatório que evidencie a avaliação de todo o processo formativo.

Estes projetos apoiam a melhoria das PME em várias áreas temáticas:

A. Gestão Agrícola

B. Uso Eficiente da Água

C. Eficiência Energética

D. Marca – Marketing

E. Certificação da Gestão Florestal Sustentável

F. Segurança e Higiene no Trabalho Agrícola

G. Mecanização Agrícola

H. Agricultura Biológica

I. Produção e Proteção Integradas

A quem se destina?

São destinatárias dos projetos as empresas (PME) com número de trabalhadores igual ou inferior a 100 e cujo volume de negócios anual seja igual ou inferior a 50 milhões de euros, ou cujo balanço total anual seja igual ou inferior a 43 milhões de euros.

Quais os benefícios?

Intensificar a formação dos empresários e gestores para a reorganização e melhoria das capacidades de gestão, assim como dos trabalhadores das empresas, apoiada em temáticas associadas à inovação e mudança, através de:

  • Aumento da qualificação específica dos trabalhadores em domínios relevantes para a estratégia de inovação, internacionalização e modernização das empresas,
  • Aumento das capacidades de gestão das empresas para encetar processos de mudança e inovação,
  • Promoção de ações de dinamização e sensibilização para a mudança e intercâmbio de boas práticas.

Como aderir?

As candidaturas deverão ser realizadas através do email tecnico@ceval.pt

Questões frequentes

Quando posso recorrer ao serviço?

Ainda não está formalmente definido, mas prevê-se um novo período de candidaturas para o final de 2018.

Quais os requisitos básicos que tenho que cumprir para poder recorrer a este serviço?

– Possuir Certificação PME

– Ter contabilidade organizada, se aplicável

– Situação líquida positiva (ou no caso de Empresários em nome individual, a soma de 15% do valor das vendas e 75% do valor das prestações de serviço ter que ser superior ao valor do investimento do projeto na PME)

– Possuir CAE elegível (agrícola, florestal ou de transformação)

– Ter localização elegível (NUT Norte, Centro ou Alentejo)

– Não possuir dívidas à Segurança Social e Fazenda Pública



Chinese (Simplified)DutchEnglishFrenchGermanItalianPortugueseSpanish
%d bloggers like this: