Apoio à retoma empresarial

As crises, como a que se faz sentir hoje, decorrente da pandemia de COVID-19, trazem também oportunidades, com o surgimento de novos modelos de negócio e reajuste de modelos existentes.

No IAPMEI, além de procurarmos contribuir para que as empresas disponham de informação atualizada sobre todas as medidas de apoio, a nossa preocupação tem sido aprofundar o conhecimento e a realidade das empresas e disponibilizar instrumentos de política pública adequados às necessidades dos empreendedores e dos empresários, que acompanhem todo o ciclo de vida das empresas.

No contexto atual, urge orientar a atividade em termos de política pública, por forma a apoiar as necessidades não previstas que entretanto surgiram, em virtude da pandemia.

Dada a procura que temos vindo a registar nos nossos canais, por parte de empresários e empreendedores, sobre como começar um negócio, elencamos abaixo algumas orientações sobre programas e serviços que poderão representar um apoio relevante nesta fase:

  • Pode aceder aos serviços da Administração Pública através do portal do ePortugal na área de empresas, onde são disponibilizadas todas as formalidades relacionadas com a atividade empresarial, tais como criar uma empresa, registar uma marca, obter certidões ou aceder às plataformas de Licenciamento Zero, Sistema da Indústria Responsável, entre outros relacionados com licenciamento de atividades. económicas.
  • Para preparar um plano de negócios, para apresentação a eventuais parceiros e/ou financiadores, o IAPMEI disponibiliza no seu site um conjunto de guias e manuais úteis à sua elaboração.
  • Para  aceder a meios técnicos e de mentoria necessários ao desenvolvimento e implementação de estratégias de inovação e de crescimento, pode identificar incubadoras, mentores e parceiros na Rede Nacional de Incubadoras.
  • Para conhecer os instrumentos de financiamento com apoio público disponíveis, pode pesquisar no Portal do Financiamento, caracterizando o tipo de investimento necessário.
  • Existem apoios regionais específicos, por isso, deve também verificar se, para a região onde pretende investir, se encontra concurso aberto para apresentação de candidaturas ao SI2E – Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo e ao Emprego ou ao Programa + CO3SO, que poderão eventualmente ter enquadramento para o seu projeto. Para mais informação sobre estes sistemas, deve consultar o portal da entidade responsável na sua região: NorteCentroAlentejoAlgarve e Lisboa.
  • Caso não tenha ainda uma empresa constituída, não se encontre empregado/a, tenha disponibilidade para se dedicar em exclusividade ao projeto e tenha uma ideia inovadora aconselhamos a consulta das condições do StartUP Voucher. A próxima cut-off termina no dia 26 de novembro.

No site do IAPMEI pode encontrar informação útil e atualizada sobre estes e outros programas de apoio às empresas. Para qualquer questão adicional poderá contactar o nosso call center através do email info@iapmei.pt ou por telefone, pelo 213 836 237 ou qualquer um dos 12 Centros de Atendimento Empresarial do IAPMEI.

Chinese (Simplified)DutchEnglishFrenchGermanItalianPortugueseSpanish